SAIBA MAIS

participe das nossas redes

previsão do tempo

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Timbres e Bicicletas encerram a Edição de Aniversário do PIQUENIQUE CULTURAL!

Ao cair da noite de 20 de outubro, a banda Timbres e Bicicletas encerrará as atrações da edição de Aniversário do PIQUENIQUE CULTURAL com sua performance criativa e inusitada.
A Timbres e Bicicletas surgiu no ano de 2008, quando seus primeiros integrantes, Bruno Soares, Rafael Rabuh e Fabrício Marcon, iniciaram o processo de composição com três músicas: Pode Navegar, Carologia e Fim de Tarde, a partir da execução do método de criação em conjunto.
Na concepção da trilha sonora do videoarte Haertel, da artista visual Pamela Zechlinski, utilizaram instrumentos nada convencionais, como cerâmicas, cano de PVC e ocarina, além do violão, da escaleta e do tambor nas criações, que foram compostas e executadas dentro do ambiente das filmagens - ruínas de uma antiga cervejaria.
A banda também participou do projeto Matravisgoso, conduzido pelo prof. Mario Maia da Faculdade de Licenciatura em Música da UFPEL. Em 2009 participou da exposição de artes no antigo prédio da COTADA, onde também foi apresentado ao público o videoarte Haertel.
No final de 2009, a banda foi convidada a participar da Noite dos Bizarros, promovida pela Casa do Joquim. Para este evento concebeu duas peças com instrumentos inusitados, tambores, canos, violeta, sino etc, além dos efeitos do pedal de delay no microfone e chorus na guitarra, de caráter extremamente enérgico e contemporâneo. A performance contou com a participação de Éverton Almeida.

Timbres e Bicicletas: música autoral encerra Aniversário do PIQUENIQUE CULTURAL 
A partir de 2011, os músicos Bruno Soares e Rafael Rabuh desenvolvem o projeto Aqui Embaixo.
O nome do projeto, além de ser o título de uma das músicas, também faz referência à localização geográfica em que se encontra. Trata-se de músicas urbanas rio-grandenses com uma estética intimista, soturna e densa. O principal objetivo era registrar cinco novas músicas autorais em formato voz e violão. Esse conjunto de composições é composto de quatro canções e uma música instrumental.
Durante as gravações ocorreram algumas intervenções sonoras dos músicos Alex Ribas (trompete), Atos Witt (guitarra) e Fabrício Marcon (backing vocal). A temática das letras abrange temas como a morte, o inevitável, o que não tem fim.

Atualmente, à formação da Timbres e Bicicletas  foi acrescido o baterista Alex Lettnin e o guitarrista Lucas Torres. As músicas ganharam novos arranjos e conceitos, que estão sendo preparados para integrar o 1º disco da banda.

Assista e ouça!

> Vídeos e canções  da 1ª formação da Timbres e Bicicletas > AQUI! 
Trilhas sonoras de Bruno e Rafael para curtas metragens  >  AQUI!
Gravações do projeto Aqui embaixo > AQUI

Visite a página da banda no Facebook AQUI!


Nenhum comentário:

Postar um comentário